Caminhar no Caminho de Santiago

Caminhar o Caminho de Santiago é, para a maioria das pessoas, a experiência de uma vida. Esta aventura está ao alcance de todos, mas têm de perceber que se quiserem fazer o Caminho completo (caminho francês) terão de contar que poderá demorar de 30 a 40 dias.

Não existem regras para fazer o Caminho de Santiago: pode fazê-lo a pé, de bicicleta ou a cavalo. Pode demorar o tempo que quiser, mas deve saber que se quiser receber a Compostela (certificado no final do caminho) tem de caminhar pelo menos 100 km ou pedalar 200 km.

Fazer o Caminho não é necessariamente uma experiência religiosa. Mas começou por ser uma peregrinação para prestar homenagem aos restos mortais do Apóstolo Santiago. As suas ossadas foram trazidas em segredo
de Jerusalém para Espanha e a Catedral foi construída para receber os muitos peregrinos que aí se deslocavam para rezar.

Enquanto caminha, não precisa de parar em lugares específicos. Todos os lugares são bons para fazer um piquenique ou apreciar a vista. O Caminho ensina que é capaz de mais do que pensava. Não é uma prova de resistência, deve fazer o Caminho por prazer.

PamplonaTerá a oportunidade de caminhar entre montanhas, vales e planícies. Passará por pequenos vilarejos e grandes cidades, como Burgos, Pamplona ou León. Verá sítios indescritíveis como:

 

  • Palácio Episcopal do Gaudí, em Astorga;
  • Catedral de Burgos;
  • Mosteiro de San Marcos, em León;
  • Catedral de Santiago de Compostela.

Pode escolher ficar em hotéis, pensões ou albergues. As pessoas percorrem estas centenas de quilómetros devido à sua dimensão espiritual. Mas pode ser por muitas mais razões: podem querer meditar, fugir à rotina ou encontrar respostas a perguntas difíceis.

Irá descobrir aqui pessoas especiais e ficará surpreendido com as nacionalidades que irá encontrar. O caminho faz-se a caminhar. De que está à espera?

Leave a Reply