Fazer o Caminho de Santiago de Bicicleta

Fazer o Caminho de Santiago em bicicleta tem sido uma das modalidades que mais adeptos tem conquistado nos últimos anos. Tornou-se bastante apelativo para os ciclistas fazerem este trajeto com mais de 1100 anos.

O Caminho de Santiago fraGaliciancês é um trajeto que cruza Castela, León e a Galiza até Santiago de Compostela. Fazer este caminho é uma grande aventura e um desafio: além da parte física, prepare-se para fazer um caminho mental e espiritual.

Que ciclista resiste a pedalar por onze séculos de história, lendas e tradições? Durante o caminho encontrará hospedaria em mosteiros e antigas casas senhoriais. Esta é uma oportunidade única de conhece
r peregrinos de todo o mundo e ainda visitará a Catedral de Santiago com uma nova perspetiva. Ao longo da viagem vai recolhendo selos no seu passaporte de peregrino e no final recebe a sua Compostela (certificado do caminho).

Fazer o Caminho de bicicleta é uma aventura de uma vida e uma boa maneira de percorrer o caminho se não tem muito tempo disponível. Para ser caminho, tem de percorrer pelo menos 200 km de bicicleta. Os ciclistas devem evitar os meses de julho e agosto, pois existem demasiadas pessoas a caminhar nestas estradas.

Alguns conselhos práticos para os Ciclistas

  • Terreno e Tipo de Bicicletas a Utilizar

Neste percurso encontrará diferentes tipos de terreno, caminhos e “trails”: poderá andar em auto-estradas ou trechos nos quais parece que está a fazer BTT. Logo, a melhor bicicleta que pode escolher é uma bicicleta de montanha ou uma híbrida.

  • Distâncias que deve fazer por dia

Os ciclistas pouco experientes devem apontar para fazer 40 a 60 km por dia. Os mais experientes podem ir até aos 80 km diários. Outra maneira de planear o seu caminho é optar por fazer três etapas por dia. Mas tenha atenção que algumas etapas são bastante duras para os ciclistas, por isso use sempre o bom senso.

Leave a Reply